Rootpac

A série de padrões Rootpac provém do programa de obtenção de novos porta-enxertos Prunus desenvolvido entre 1996 e 2012. A procura destes padrões focada em responder às necessidades de um setor frutícola em constante evolução e desenvolvimento no sentido da eficiência e a intensificação das plantações.

ROOTPAC

Objetivos do programa de melhoria genética

• Criação de variedades com baixo vigor.

• Adaptação a diferentes tipos de solo.

• Fácil multiplicação invitro, para proporcionar um custo de produção adequado.

• Redução da necessidade de horas frias.

• Atingir um alto grau de compatibilidade com espécies e variedades.

Para isso, foi utilizado um banco de germoplasma de 268 clones e cultivares, foram utilizados 98 parentaos, foram realizados 427 cruzamentos dirigidos, aproximadamente 85.700 polinizações para obter 343 descendentes, dos quais 68 foram estudados, graças a 98 ensaios de campo, distribuídos em 27 localidades na Espanha e 12 no estrangeiro. Todos os testes realizados resultaram em 5 variedades comerciais de porta-enxertos de Rootpac: Rootpac 20, Rootpac 40, Rootpac 70, Rootpac 90 e Rootpac R.

[  Rootpac >  ]

am_portainjertos-03-e1518606153883

Porta-enxerto Rootpac 20

Ideal para SHD
Ampla compatibilidade
Baixo vigor

am_portainjertos-04-e1518606217295

Porta-enxerto Rootpac 40

Antecipa a maturação
Melhora o calibre do fruto
Controla o vigor

am_portainjertos-02-e1518606251235

Porta-enxerto Rootpac R

Solos fatigados e de replante
Ampla compatibilidade
Alta sobrevivência em terras com Armillaria e Rosellinia

Porta-enxerto Rootpac 20

Informações geraisl

Espécie: Ameixoeira híbrida (P. besseyi x P. cerasifera).
Origem: Programa de Melhoramento Genético de Porta-enxertos da Agromillora.

Características agronómicas

Vigor: Baixo, cerca de 40-50% menos do que GF-677.
Compatibilidade: Boa com variedades de pêssego, nectarina, ameixeira-do-japão e amêndoa. Compatível com algumas variedades de damasco, embora seja necessária mais informação sobre a sua afinidade com mais variedades.
Porte: Reto e compacto.
Produtividade: Altamente produtivo.
Calibre: Gera muito bom calibre e qualidade de fruta. Antevê a maturação na maioria das variedades.
Adaptabilidade: Muito adaptável a todas as condições de produção, tanto em climas quentes como frios.
Outras características: Ideal para plantações de alta densidade SHD. Boa adaptação a solos pesados e áreas mais frias.

Resistências e tolerâncias

Frio: Tolerante.
Clorose: Moderadamente tolerante.
Nemátodes-das-galhas: Moderadamente resistente.
Agrobacterium tumefaciens: Sensível.
Rosellinia necatrix: Moderadamente tolerante.
Clorose: Moderadamente tolerante.
Afíxia: Altamente tolerante.
Salinidade: Moderadamente tolerante.
Nemátodes-das-lesões: Sensível.
Armillaria mellea: Pode ser detetado um certo grau de tolerância.

Vigor com respeito a Garnem*

Produtividade Kg/cm2*

Os dados provêm de diferentes áreas geográficas (Alcañiz, Tarragona e Lleida) para as colheitas de 2009 e 2012.

Registo no Gabinete Comunitário de Variedades Vegetais

Denominação da variedade: Densipac.
Nº de registo: 2011/1062.

Porta-enxerto Rootpac 40

Informações gerais

Espécie: Híbrido de pêssego x amendoeira (Prunus dulcis x Prunus persica) x (Prunus dulcis x Prunus persica).
Origem:
Programa de Melhoramento Genético de Porta-enxertos da Agromillora.

Características agronómicas

Vigor: Médio, cerca de 25-30% menos do que GF-677, embora com um sistema radicular altamente desenvolvido.
Compatibilidade: Bom com variedades de pêssego, nectarina, amêndoa e algumas variedades de ameixeira-do-japão.
Porte: Reto, semelhante ao Garnem.
Produtividade: Altamente produtivo.
Calibre: Antecipar a maturação de 3 a 7 dias, dependendo da variedade.
Adaptabilidade: Adapta-se muito bem a todos os climas, mas especialmente àqueles com baixos requisitos de frio.
Outras características: Porta-enxerto de folha verde. Caule rígido (lenhificação precoce) com pouca ou nenhuma ramificação nos estágios iniciais de desenvolvimento. Fácil manuseio no viveiro..

Resistências e tolerâncias

Frio: Tolerante.
Clorose: Moderadamente tolerante.
Nemátodes-das-galhas: Moderadamente resistente.
Agrobacterium tumefaciens: Sensível.
Rosellinia necatrix: Moderadamente tolerante.
Clorosis: Em fase de projeto.
Afixia: Mais tolerante à asfixia do que a maioria dos híbridos de pêssego e pêssego/almão.
Salinidade: Moderadamente tolerante.
Nemátodes-das-lesões: Suscetível.
Armillaria mellea: Em fase de projeto.

Vigor com respeito a Garnem*

Produtividade Kg/cm2*

* Os dados são provenientes de diferentes áreas geográficas (Tarragona, Murcia e Sevilha) das colheitas de 2005 e 2007.

Registo no Gabinete Comunitário de Variedades Vegetais

Denominação da variedade: Densipac.
Nº de registo: 2011/1062.

Porta-enxerto Rootpac R

Informações gerais

Espécie: Híbrido de ameixeira x amendoeira (Prunus cerasifera x Prunus dulcis)..
Origem:
Programa de Melhoramento Genético de Porta-enxertos da Agromillora.

Características agronómicas

Vigor: Alto com variedades de pêssego, nectarina e ameixeira. Semelhante a Mariana-2624.
Compatibilidade: Bom com ameixeiras, pêssegos e nectarinas. Também se mostrou compatível com algumas variedades de amendoeiras e damasqueiros.
Porte: Aberto, com ramificação média.
Produtividade: Altamente produtivo.
Calibre: APrevê a maturação de 2 a 5 dias em comparação com outros porta-enxertos. Gera bom tamanho de fruta em ameixa, pêssego e nectarina.
Adaptabilidade: Muito adaptável a diferentes condições climáticas, com diferentes requisitos de frio. Ideal para locais de vigilância. Adapta-se bem a solos densos e asfixiantes.
Outras características: Porta-enxertos de folhas verdes, olhando entre ameixeira e amendoeira. Caule rígido e ereto em estágios iniciais de desenvolvimento.

Resistências e tolerâncias

Frio: Tolerante.
Clorose: Alta tolerância.
Nemátodes-das-galhas: Altamente resistente.
Agrobacterium tumefaciens: É desconhecido, embora seja provavelmente sensível, como a maioria das ameixeiras.
Rosellinia necatrix: Demonstrou-se ser resistente em locais altamente infestados com este fungo do solo.
Asfixia: Tolerante à asfixia. Semelhante a Mariana-2624.
Salinidade: Em fase de projeto.
Nemátodes-das-lesões: Ligeiramente suscetível.
Armillaria mellea: Desconhecido. A sua elevada taxa de sobrevivência em áreas de estaqueamento sugere que tem tolerância.

Vigor com respeito a Garnem*

Produtividade Kg/cm2*

* Os dados provêm de ensaios realizados em Saragoça entre 2001 e 2009.

Registo no Gabinete Comunitário de Variedades Vegetais

Denominação da variedade: Densipac.
Nº de registo: 2011/1062.

Super Alta Densidade

Na Agromillora revolucionamos o sector do viveiro, aplicando o sistema super intensivo a novos tipos de culturas, como as fruteiras de caroço. Encontre alguns dos projetos realizados por todo o mundo aqui.

Newsletter

Se você deseja manter-se atualizado com as últimas notícias e atualizações, inscreva-se em nossa newsletter.